Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2009

Ailton Muniz de Carvalho - Um Apelo à Outra Visão

Durante praticamente um mês nossa Igreja anunciou nos cultos a realização de um seminário escatológico com a presença do pastor e cientista Ailton Muniz de Carvalho. Pastor e cientista? Pode? O pastor da nossa Igreja, Antonio Baltazar, passou-me o material que seria ministrado e fiquei muito assustado. Sabia da existência de outras correntes escatológicas, estudadas em seminários e cursos teológicos e depois divulgadas em seminários ministrados por mim em várias Igrejas.Enquanto lia as linhas do seu material, foi-me fugindo a capacidade de refutar a maioria dos seus pensamentos. Existe uma profunda análise de cada texto da Bíblia, sem falar nas inúmeras referências cruzadas, a maioria explicando coisas que ninguém jamais ousou pronunciar. Textos que a maioria dos ensinadores e estudiosos (incluo-me nesta classe) procuram evitar por causa das dificuldades hermenêuticas na interpretação como por exemplo:alguns de vós não experimentarão a morte (Mt 16. 28); as duas testemunhas no período …

Tendências Teológicas do Século 21

Chegamos ao limiar das inovações. Inovações estas que dominam todo o cenário sejam na Igreja, na política, na economia, na geografia e na história. O quadro do mundo atual é caótico. A fé do mundo está morrendo. O fogo que ardeu no século passado e impulsionou a Igreja da geração anterior, rompendo fronteiras geográficas e culturais, tem-se enclausurado entre quatro paredes, tentando “preservar” aqueles veteranos da fé.Por mais que lutemos para preservar a identidade da Igreja (visível), o cristianismo puro e simples (nas palavras de C. S. Lewis) está cada dia mais minguado. Para mudar o atual estado em que nos encontramos, temos de agir. Como diz Hank Hanegraff, “um câncer está devorando a Igreja de Cristo. Ele precisa ser extirpado”. Algo tem de ser feito. Mas o que faremos ante as novas tendências?Primeiro, devemos entender o que são tendências teológicas. Essa compreensão envolve as primeiras duas palavras do tema proposto. Como o léxico Aurélio define:Tendência, do latim tendenti…

Isso também passará

Fui impulsoinado a escrever as linhas que se seguem depois de ouvir um relato de um irmão que após passar por várias experiências envolvendo concursos e vestibulares, nos quais, em sua maioria, ele sempre era reprovado. Sua maior tristeza não estava no fato da reprovação, mas na vergonha que sentia ao ver seus amigos que, segundo ele, às vezes nem estudava ou se preparava e eram aprovados. Suas alegações eram as mais honestas e justas possíveis. Dizimista, temente a Deus, correto em suas atitudes, sincero para com Deus, de testemunho admirável e caráter ilibado. Reconhecia as bençãos de Deus sobre a sua vida, mas o que seu coração realmente queria, até este momento não recebera do Senhor. Quando esse irmão veio conversar comigo, eu sinceramente não tive palavras, por que sabia que qualquer coisa que eu dissesse o feriria e seria facilmente reprovada por ele. O que dizer numa situação como esta? É claro que isso é apenas a ponta do iceberg para o que alguns estão enfrentando hoje, mas …

A Melhor coisa que Eu Já Fiz (Ozéias de Paula)