Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2014

Nossas Construções

Geralmente, as construções são valorizadas pela beleza arquitetônica. Gaba-se ao dizer quantos milhões foram investidos. Há vanglória em cada exclusividade.

Mas esquecemos que nem sempre tudo o que está a mostra representa a imponência e segurança se os alicerces não foram tão valorizados quanto o visível. Pra que investir tanto se vai ficar debaixo da terra, invisível aos mais detalhistas? Ledo engano: todo o belo e admirável, sem os cuidados de um bom alicerce, um dia ruirá! O que foi feito nas recâmaras será apregoado de um poste muito alto.

Toda palavra frívola que você disser, toda mentira encobridora, todo lixo varrido pra debaixo do tapete, todo pecado não confessado, todo pensamento malicioso, toda ação destruidora, tudo, tudo, tudo um dia será trazido às claras.

A vida reta é inabalável e inegociável, os olhos de Deus não dormem, somos vigiados 24h. O pecado jaz à porta, quer nos dominar, é necessário resisti-lo.

Vigiemos! Vida santa já!

Traidores

Um império hipócrita está reinando agora. Todos falam a mesma coisa quando estão reunidos, mas individualmente são traidores da massa. Não há unidade na coletividade, nem bom senso na individualidade.

As Escrituras nos falam dos homens traidores dos últimos dias, e isso não acontece fora da Igreja, porque os de lá não estão de mãos dadas conosco. Charles Swindoll disse que a Igreja é o único campo de batalha em que apontamos as armas para os companheiros. É difícil reconhecer, mas nós somos os nossos maiores traidores.

Vivemos a época do falso ensino de que não podemos perder ninguém, e com isso ignoramos falhas de caráter, porque acreditamos que a Igreja é um hospital para os doentes. Eu pergunto: Você vai ao hospital para continuar doente ou espera que o médico, a partir do diagnóstico, lhe receite o remédio que lhe trará a cura?

O Evangelho é o bisturi do médico. Perseguição não acaba com a Igreja, mas o pecado é sempre fatal.

É tempo de acabar com os tronos que foram erguidos e deixar…

Não Somos Mais os Mesmos

Não somos mais os mesmos.

Vivemos um evangelho que se preocupa só com o interior, que cuida do exterior como se fosse um deus. Essa preocupação com o interior não significa que zelamos da comunhão, consciência, amor e fraternidade. É simplesmente bonito dizer que Deus quer o coração e que se o coração for dele, todo o mais será. Ledo engano!

Nossa fé só existe dentro das quatro paredes. Fora de lá, somos como os outros. Contamos piadas imorais, xingamos, zombamos, somos desonestos e mentirosos. Perdi a contas das vezes que vi crentes dizer impropérios contra a Igreja, governo, política. Quantas vezes será preciso dizer que a vida cristã não é dicotômica?

Perdemos mais tempo discutindo linhas teológicas do que lendo o maior tratado de teologia, a Bíblia. Queremos encontrar respostas pra tudo baseado no "eu acho" e esquecemos que muitos de nossos anseios está a uma oração de distância.

E por falar de orações, será que ainda sabemos o que é isso? Mesmo dentro de nossas igrejas somo…