quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Traidores

Um império hipócrita está reinando agora. Todos falam a mesma coisa quando estão reunidos, mas individualmente são traidores da massa. Não há unidade na coletividade, nem bom senso na individualidade.

As Escrituras nos falam dos homens traidores dos últimos dias, e isso não acontece fora da Igreja, porque os de lá não estão de mãos dadas conosco. Charles Swindoll disse que a Igreja é o único campo de batalha em que apontamos as armas para os companheiros. É difícil reconhecer, mas nós somos os nossos maiores traidores.

Vivemos a época do falso ensino de que não podemos perder ninguém, e com isso ignoramos falhas de caráter, porque acreditamos que a Igreja é um hospital para os doentes. Eu pergunto: Você vai ao hospital para continuar doente ou espera que o médico, a partir do diagnóstico, lhe receite o remédio que lhe trará a cura?

O Evangelho é o bisturi do médico. Perseguição não acaba com a Igreja, mas o pecado é sempre fatal.

É tempo de acabar com os tronos que foram erguidos e deixar a verdade do Evangelho nos constranger, fazer-nos corar de vergonha.

Deixe Deus cuidar da Igreja, deixe Cristo ser o Senhor dela, deixe o Espírito Santo orientar os seus ministros. Não quero saber do estatuto, quero saber o que Deus diz sobre isso ou aquilo. Não quero ver predileção, quero ouvir o Espírito dizer: "Separe este". Não quero encontrar o sermão na internet, quero cavar com uma mão e receber com a outra. Não quero dizer: "Estou sentindo", quero que todos vejam que minhas decisões são inspiradas por Deus e por isso são incontestáveis. Não quero esperar por algo que nunca chega, quero viver para receber aquilo que a Escritura me garante. Não quero ser pastor por causa do status, quero me doar pelo rebanho para apresentar o maior número ao que me comissionou e receber dele segundo a sua reta justiça. Não quero ser de meias palavras, quero pregar o Evangelho como Cristo pregou, mostrando o Caminho, a Verdade e a Vida.

Não quero ser traidor do Evangelho. Ajuda-me, Senhor!

Nenhum comentário: