segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Igreja Precisa ser Igreja

Que Deus fortaleça o seu povo no Brasil.

Nunca a Igreja expôs-se tanto numa campanha política! Vários pastores foram à mídia e falaram abertamente contra o governo atual. E o governo, quando percebeu que os cristãos estavam inclinados a apoiar um novo presidente, passou a vociferar tons ameaçadores. Com tudo isso, recordo-me do que ouvi nos primeiros dias de vida na Igreja: Jesus está voltando e agora está muito perto!

Que Deus ajude o seu povo no Brasil e no mundo. O total de mortos por sua fé é altíssimo.

Que Deus ajude os pastores brasileiros. Que esqueçam a teologia da prosperidade e outros modismos e encorajem através da Palavra de Deus as ovelhas a não saírem do aprisco.

Que superemos a febre de erguer o Templo de Salomão particular para arrebanhar o maior número de salvos.

Que saiamos às ruas em prol do Evangelho do Reino como fizemos em tempo de campanha. Chegou a hora de falar aos dispersos. As quatro paredes não é mais o lugar da Igreja!

Que assim como nos expusemos com nossas opiniões sobre a política e o que considerávamos ser o melhor para o Brasil, deixemos bem claro sobre o que cremos. Nunca aceitaremos a morte da família tradicional (quando digo isso, refiro-me como Igreja de Cristo, aquela que Ele é a Cabeça).

Que nos esforcemos para convencer as pessoas do amor de Cristo como o fizemos durante a campanha política.

Que nem o tempo nem a geografia nos impeça de pregar o Evangelho como não nos impediu de fazer campanha no processo político.

Que os nossos argumentos sejam fruto de perícia no Evangelho como fomos tão intensamente na campanha eleitoral.

Que sejamos defensores do Evangelho e propagadores de sua ideologia com a mesma garra e dinamismo que fomos no processo político.

Que a Igreja seja mais Igreja, não para provar a sua força, mas para testemunhar de quem é o seu Cabeça e Sustentador: o Senhor Jesus Cristo!

Nenhum comentário: